duv-idoso-faixa.jpg
duv-idoso-logo.png

PATROCÍNIO

nestle-health-science_footer.png

Como aproveitar as festas de final de ano?

Docinhos x controle da glicemia. Pressão x petiscos salgados. Álcool?

Dicas de como aproveitar sem comprometer o cuidado.




As festas de final de ano estão se aproximando, e nesta época pensamos em todas as delícias da ceia de Natal e Ano Novo. Mas como aproveitar estas festas comendo bem, sem exageros e não comprometer a saúde dos idosos?

Durante os dias de confraternização é importante alimentar-se normalmente, mantendo uma rotina alimentar saudável. Além disso, na hora das refeições, priorize as preparações mais caseiras, feitas com ingredientes naturais, temperos frescos e não industrializados. Nessas horas, mais do que se preocupar com as calorias que serão ingeridas durante a ceia, outros aspectos são muito mais relevantes e valorizados, como a qualidade dos ingredientes e a densidade nutricional.


Embora não seja muito abordada, a densidade nutricional leva em consideração muito mais aos nutrientes do que às calorias de uma determinada porção de alimentos, ou seja, quanto maior a quantidade de vitaminas e minerais em relação ao total de calorias, maior a densidade nutricional do alimento.


Dessa maneira, vale a pena dar preferência às preparações com uma maior densidade nutricional, como por exemplo: saladas coloridas com frutas (frescas ou desidratadas, e não cristalizadas) e castanhas (naturais e sem adição de sal), petiscos a base de ingredientes frescos (tomatinho cereja, baby carrot, mix de nuts e frutas variadas) e temperos naturais como ervas e especiarias, carnes, peixes ou aves servidos juntamente com uma variedade de verduras e legumes, sejam eles assados ou cozidos, evitando as preparações fritas. Já no caso das sobremesas, priorizar as opções com frutas (agregam mais dulçor e geralmente contém menos açúcares adicionados) e controlar o tamanho das porções. E é claro, importante sempre comer com calma e atenção, saborear cada mordida e aproveitar o momento de confraternização.


Para os idosos que já tem alguma enfermidade, como diabetes, é preciso prestar a atenção, principalmente com a ingestão de açúcares e carboidratos refinados, para não aumentar tanto os níveis de glicose no sangue e evitar quadros de hiperglicemia. Isso não quer dizer que o idoso não possa consumir a sobremesa, o importante é ingerir uma quantidade moderada, sem exageros. E no caso dos hipertensos, evitar as preparações que contenham embutidos, alimentos em conservas ou enlatados que são ricos em sódio, como: salame, linguiça, queijos mais curados, azeitonas, palmito, picles, atum ou sardinha enlatadas, etc. É imprescindível mantar a uso das medicações prescritas pelo médico e o monitoramento da glicemia e níveis de pressão arterial.


Na hora de brindar o Natal ou a chegada do Ano Novo, mais uma vez, consumir a bebida alcoólica com moderação e seguir as recomendações de quantidades sugeridas pelo médico. Caso o consumo de bebida alcoólica não seja recomendado, hoje em dia existem bebidas 0% álcool ou drinks que seguem a mesma linha, preparados com sucos, bebidas gaseificadas (há opções sem açúcares adicionados), frutas e especiarias. Lembrando-se sempre, mantenha uma hidratação adequada, priorizando o consumo de água (podem ser aromatizadas) durante as festas.


Receitas saudáveis:


Espetinhos caprese com molho pesto de rúcula e castanha do Pará




1 xícara (chá) de mussarela de búfala

1 xícara (chá) de tomatinho cereja

½ xícara (chá) de manjericão

Molho pesto

1 dente de alho 1 maço de manjericão ½ limão siciliano (suco e raspas) ½ xícara (chá) de azeite de oliva ½ xícara (chá) de nozes 2 colheres (sopa) de Nutritional Yest (opcional) Sal à gosto




Modo de preparo: Monte os espetinhos com 1 mussarela de búfala + 1 folha de manjericão + 1 tomatinho cereja. Reserve. Para o molho pesto: rale o alho. Bata todos os ingredientes no processador ou no mixer. Se necessário, acrescente um pouco de água gelada para atingir a consistência desejada. Sirva com os espetinhos.


Terrine de berinjela com recheio de frango e tomatinho assado



2 berinjelas

500g de peito de frango cozido e desfiado

200g de creme de ricota

Manjericão a gosto

3 colheres (sopa) de azeite de oliva

Sal e pimenta do reino a gosto

1 caixinha de tomatinho cereja

1 colher (sobremesa) de orégano desidratado

2 colheres (sopa) de nozes pecãn picadas


Modo de preparo: Fatie as berinjelas com um ralador ou um mandolim. Tempere com sal, pimenta, orégano e grelhe em uma frigideira. Misture com o frango desfiado com o creme de ricota, sal, pimenta, manjericão e 1 colher (sopa) de azeite de oliva. Reserve. Corte os tomatinhos ao meio, coloque em uma forma com o orégano, uma pitada de sal e pimenta. Leve ao forno alto até assar um pouco. Reserve. Em uma forma de bolo inglês untada com azeite, faça uma camada cobrindo toda a forma com as fatias de berinjela. Recheie com a mistura de frango e feche. Leve à geladeira até firmar. Retire a terrine da forma, cubra com os tomatinhos e decore com manjericão, nozes pecãn e um fio de azeite.

Dica: Para fazer fatias finas e uniformes de uma maneira mais fácil e rápida (assim como na receita anterior), vale a pena investir em um mandolim. O mandolim é um tipo de ralador, com uma lâmina mais afiada e com ajuste de altura. Só tem que tomar cuidado para não ralar um pedaço do dedo junto. Por isso, a maioria das marcas contam com protetor de dedos para que isso não aconteça!


Torta de banana



1 xícara (chá) de amaranto em flocos

1 xícara (chá) de farinha de aveia

½ xícara (chá) de açúcar mascavo

¼ xícara (chá) de óleo vegetal da sua preferência

4 bananas nanicas maduras fatiadas no sentido com comprimento

40g de uvas passas

Canela em pó a gosto

Para cobrir

1 ovo

½ xícara (chá) de leite de sua preferência



Modo de preparo: Misture os ingredientes secos e acrescente óleo aos poucos, fazendo uma farofa com as mãos. Em uma forma de aro removível, coloque metade farofa apertando levemente com as mãos, cubra com fatias de banana, uma ao lado da outra, polvilhando com canela e passas. Coloque o restante da farofa e mais uma camada de banana e finalize com um pouco de açúcar mascavo com canela. Bata bem a cobertura, e despeje por cima da torta, asse em forno médio (180ºC) por 30 minutos e depois baixe o fogo até dourar.

Dica: Caso você queira fazer uma versão zero açúcar, pode substituir a mesma quantidade de açúcar mascavo por xylitol ou erititol. Dessa maneira terá uma torta diet, podendo ser uma ótima opção de sobremesa inclusive para os diabéticos.


Por: Dra. Carolina Pimentel - Nutricionista com Mestrado e Doutorado em Ciências da Nutrição pela Universidade de São Paulo


APOIO

logo-abg-branco.png
logo-sbgg.png
logo-ashoka-branco.png
logo-acirmesp-branco.png