duv-idoso-faixa.jpg
duv-idoso-logo.png

PATROCÍNIO

nestle-health-science_footer.png

Qual a importância do exercício físico na velhice?



O exercício físico é definido como uma série de movimentos planejados que resultam em um gasto energético e calórico maior que em estado de repouso. Segundo a OMS - Organização Mundial de Saúde, a recomendação de exercícios físicos para os idosos é de 150 minutos por semana.

Inserir esse tipo de atividade com regularidade na rotina, pode manter ou melhorar o metabolismo, estrutura muscular, flexibilidade, equilíbrio, contribuir positivamente no manejo de sintomas das doenças crônicas e prevenir o surgimento de outras.

Vale destacar que dentre as vantagens dos exercícios estão a manutenção da independência (capacidade de fazer as coisas sozinho) e do equilíbrio para evitar quedas. Atividades como uma caminhada para fazer compras ou passear com o cachorro, por exemplo, também contribuem para que o corpo esteja em movimento.

Para incluir exercícios físicos em sua rotina com qualidade, procure um profissional de saúde (médico, fisioterapeuta ou educador físico), peça orientações de como prosseguir e estruture um plano individualizado que respeite suas condições.

Sempre é tempo de se cuidar!

Referências:

WHO guidelines on physical activity and sedentary behaviour. World Health Organization; 2020. CC BY-NC-SA 3.0 IGO.

CIVINSKI, Cristian; MONTIBELLER, André; OLIVEIRA, André Luiz de. A IMPORTÂNCIA DO EXERCÍCIO FÍSICO NO ENVELHECIMENTO. Revista da UNIFEBE, [S.l.], v. 1, jul. 2011. ISSN 2177-742X. Disponível em: <https://periodicos.unifebe.edu.br/index.php/revistaeletronicadaunifebe/article/view/68>.

APOIO

logo-abg-branco.png
logo-sbgg.png
logo-ashoka-branco.png
logo-acirmesp-branco.png